A trabalhar (por um mundo melhor)...

O GAIA apoia a Campanha “Empregos para o Clima” em Portugal

“Ao considerar os empregos climáticos como uma necessidade social e planetária em vez de entregar esta transição aos mecanismos de mercado, a campanha toma uma posição clara contra o discurso de crescimento.” Lê o texto completo na página do GAIA.

Read more

APRESENTAÇÃO: Campanhas noutros países

A campanha “Empregos para o Clima” foi lançada durante as manifestações do 1º de maio. O próximo passo é mobilizar o máximo número de pessoas e organizações para esta campanha. Para o fazer, decidimos aprender com as experiências da implantação da mesma noutros países, particularmente no Canadá, Reino Unido e África do Sul. Esta vai […]

Read more

Lançamento da campanha: Empregos para o Clima

“Empregos com Dignidade para o Clima e a Sociedade” foi uma das exigências dos manifestantes no 1 de maio. Uma das faixas visíveis nas marchas do Dia Internacional do Trabalhador de 1 de maio mostrou de forma clara que a classe trabalhadora está a tomar a dianteira também em relação à justiça climática. Nos cortejos […]

Read more

1º maio: lançamento da campanha em Portugal

Depois de vários meses de eventos e sessões públicas, a campanha lançou-se à rua pela primeira vez no 1º de maio, Dia do Trabalhador. No Porto e em Lisboa, por entre faixas e reivindicações dos sindicatos dos professores (SPN e SPGL), duas organizações ambientais, o Climáximo (em Lisboa) e o Coletivo Clima (no Porto), empunharam […]

Read more

Alterações Climáticas: Ciência, Política, Urgência e Esperança – Sinan Eden (Revista Escola Informação, Sindicato dos Professores da Grande Lisboa)

“A Esperança: Em Portugal, temos de cortar 60% das emissões nos próximos 15 anos. Para construir um movimento capaz desta transformação, é preciso tecer alianças e fazer exigências transversais, que liguem justiça social e justiça climática.” Lê o artigo completo na revista Escola Informação Digital, aqui.

Read more

“Trabalho e Clima” no Encontro Nacional pela Justiça Climática

A crise climática, o desemprego e a precariedade exigem uma resposta popular radical. Necessitamos urgentemente de alianças transversais que respondam às diferentes prioridades da população, para construirmos um movimento de base capaz de desafiar o sistema socioeconómico como um todo. Como articular questões de trabalho e de justiça climática numa luta conjunta? A campanha pelos […]

Read more

Mesa Redonda: Alterações Climáticas e Transportes Públicos

Dia 31 de março, quinta-feira, às 18h ISEG: Rua do Quelhas 6, 1200-781 Lisboa (Anfiteatro 3) Para evitar alterações climáticas irreversíveis e catastróficas temos de parar de emitir gases de efeito de estufa (GEE) urgentemente. Mais concretamente, em 15 anos, teremos de reduzir as emissões de GEE para mais de metade globalmente, e em dois […]

Read more

APRESENTAÇÃO: Trabalho, capital e aquecimento global: Mercados de carbono versus emprego climático

APRESENTAÇÕES DISPONÍVEIS ABAIXO.? Oficina de Ecologia e Sociedade | 2015-16 Dezembro 2015 – Junho 2016, CES-Coimbra ENTITLE Intensive workshop Trabalho, capital e aquecimento global: mercados de carbono versus emprego climático Emanuele Leonardi, Kenfack Chrislain-Eric, Ricardo Coelho, Jonas Van Vossole (CES), Giorgio Casula (CGTP-IN), Climáximo 10 de março de 2016, 14h30, Sala 1, CES-Coimbra   A […]

Read more

Lançamento do Livrete: Empregos Climáticos em Portugal

A par da crise de austeridade, vivemos também uma crise climática. Se por um lado temos quase 1 milhão de desempregados (contando com os desempregados considerados “ocupados”); por outro, os fogos florestais, as inundações e tempestades, a perda de área costeira devido à subida da água do mar e as secas dão-nos claros sinais de […]

Read more

REUNIÃO e FORMAÇÃO: Alterações climáticas e emprego

Dia 14 de fevereiro, Domº 11h-13h, ContraBando: Reunião de trabalho da campanha pelos empregos climáticos Os princípios da campanha Ponto da situação Próximos passos

Read more