Depois do Covid-19, voltar ao normal seria apostar no caos climático.

Enquanto as economias de todo o mundo reagem ao necessário lockdown devido ao Coronavírus, os governos de todo o mundo, em conjunto com os bancos centrais desenham pacotes para evitar o colapso. Adivinham-se layoffs subsidiados, compra de barris de petróleo para fazer subir o preço da matéria-prima, redesenho de cadeias de fornecimento, injecção de dinheiro na banca e, com…

Saber mais →

“Conhecemos este guião”: Naomi Klein avisa sobre o ‘Capitalismo de Coronavírus’ num novo video a detalhar a batalha que vamos enfrentar.

“Sabemos qual é o plano do Trump: doutrina de choque pandémico… Mas o final da história ainda não foi escrito” Esta notícia, pela Jessica Corbett, publicada no Common Dreams a dia 17 de Março de 2020 introduz um vídeo editado por The Intercept em que Naomi Klein reflecte sobre o capitalismo e o novo coronavírus. Num novo vídeo do…

Saber mais →

O isolamento na China devido ao coronavírus reduz poluição causadora de mortes e provavelmente salva a vida de dezenas de milhares de pessoas, segundo investigador

A seguinte notícia, publicada pela CNN no dia 17 de Março de 2020, destaca “a maneira como as nossas economias gerem outras ‘pandemias’ ocultas tem enormes custos de saúde escondidos, os quais se tornam visíveis durante uma pandemia”. (CNN) As medidas drásticas aplicadas pela China durante o surto de coronavírus reduziram a poluição do ar causadora de mortes, potencialmente…

Saber mais →

Plano inclinado – Diogo Silva (Expresso)

Vivemos em crise, mas não é de agora. Hoje é uma pandemia, amanhã uma nova crise económica e a crise climática continua a agravar-se. O Estado pode não servir só para emergências temporárias e o estado a que isto chegou é de crise estrutural. É possível resolver uma crise económica saindo também da crise climática de forma justa. Em…

Saber mais →

COMUNICADO: Campanha Empregos Para o Clima defende prioridade aos trabalhadores no encerramento das centrais a carvão

A campanha Empregos para o Clima defende a requalificação dos trabalhadores que vão perder o emprego em virtude do encerramento das centrais termoeléctricas para empregos públicos nas energias renováveis. A Campanha Empregos para o Clima considera que o anúncio do encerramento das centrais termoeléctricas do Pego e de Sines até 2021 e 2023, respectivamente, é potencialmente positivo, mas poderá…

Saber mais →

Emergência Climática na revista Escola Informação do SPGL

A edição digital da revista Escola Informação dedica o Dossier da edição à Emergência Climática em Setembro e conta com vários contributos da campanha. A crise climática: o maior desafio que a humanidade alguma vez enfrentou, por Sinan Eden (Empregos para o Clima) e Gonçalo Paulo (Climáximo, Greve Climática Estudantil) abre a discussão: A nossa casa está a arder….

Saber mais →

SPGL e SPN lançam caderno reivindicativo para as escolas

O Sindicato dos Professores de Grande Lisboa e o Sindicato dos Professores do Norte publicaram, no âmbito da campanha Empregos para o Clima, um caderno reivindicativo “Transição Energética Justa nas Escolas”. A publicação faz parte da Semana pelo Clima. Abaixo está uma mensagem do José Feliciano Costa, presidente do SPGL, e o link para o ficheiro. Em 2015, associámo-nos…

Saber mais →

Empregos para o Clima contra a extrema-direita

Vivemos numa era de crises entrelaçadas. A falência do modelo neoliberal, acompanhada pela crise social de desemprego e precariedade num lado e as crises climática e ecológica noutro lado, exige políticas que respondem aos problemas das populações. O actual sistema não está a conseguir dar uma resposta a estas crises, o que cria um vazio passível de ser ocupado…

Saber mais →

Empregos para o Clima: e se ganharmos?

Portugal orgulha-se de ter metas muito ambiciosas em relação aos outros países do mundo. É verdade que os compromissos do governo português levar-nos-iam a um aquecimento de 3.2ºC enquanto as políticas internacionais apontam para 3.5-4.5ºC, dependendo do país. Contudo, depois de um aumento de 2ºC, o aquecimento torna-se irreversível e o caos climático fica fora do nosso controle. Esta…

Saber mais →

Empregos para o Clima: há dinheiro para salvar a humanidade?

Um programa governamental de Empregos para o Clima, que criaria 100 mil novos postos de trabalho no sector público, em áreas como energias renováveis, transportes públicos e edifícios, reduziria as emissões de gases com efeito de estufa por 60-70% em 10-15 anos. Actualmente, esta é a única proposta verdadeiramente compatível com a meta de limitar o aquecimento global abaixo…

Saber mais →